Famílias da comunidade Lagoa do Américo, em Carnaubal são alvos de violência e tem casas derrubadas

Cerca de 120 famílias da comunidade Lagoa do Américo, localizada na zona rural do município de ...


Cerca de 120 famílias da comunidade Lagoa do Américo, localizada na zona rural do município de Carnaubal, na Serra da Ibiapaba foram surpreendidas na madrugada desta quarta-feira (04) por máquinas que destruíram suas casas, na tentativa de calar suas vozes de resistência frente aos grandes projetos de desenvolvimento impostos pelas empresas e pelo Estado brasileiro.

Na madrugada, duas máquinas invadiram a comunidade e destruíram seis casas e mais a Casa de Farinha comunitária. As famílias de: Raimundo Pompílio Gomes, Evangelista Alves Gomes, Paulo de Jesus Alves Gomes, Antonio Claudio Alves Gomes, Francisco Pompílio Gomes e Paulo Roberto Soares tiveram suas casas completamente destruídas. Quatro dessas famílias eram beneficiárias do Programa Uma Terra e Duas Águas (P1+2) e cinco do Programa Um Milhão de Cisternas (P1MC) da Articulação do Semiárido Brasileiro (ASA BRASIL).

As famílias que residem historicamente são posseiras como muitas famílias no interior do Ceará. Essas terras, das quais eles sempre tiraram seu sustento interessam agora à empresas eólicas  estrangeiras. Diante dessa situação vêem-se ameaçadas, constrangidas e com suas vidas em risco.

Por isso, elas vem a público denunciar a extrema violência a que estão sendo expostas pelo dito “proprietário” da terra que quer vê-las longe dali para que possa concluir a negociação  das terras com as empresas eólicas que se instalam, freneticamente, na região. As famílias que tiveram as casas destruídas deram queixa à polícia que prendeu os dois operadores das máquinas e dois advogados que os acompanhavam na destruição das casas. Os mesmos pagaram uma fiança no valor de 42.000,00 (quarenta e dois mil reais) e já foram liberados.

A comunidade articula agora sua resistência no território com o apoio de entidades como a Pastoral Social da Diocese de Tianguá, Sindicatos dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (STTR’s) da região, a Escola de Formação Política e Cidadania (Espaf), Cáritas Brasileira Regional Ceará, entre outros. Amanhã, dia 05/09 acontecerá uma visita e reunião dessas instituições com a comunidade às oito horas da manhã.

Mais informações:

Monyse Ravenna – Assessora de Comunicação da Cáritas Brasileira Regional Ceará – 85-99479131
Gilvan – morador da comunidade – 88-9638-8658
Lourdes Camilo – Assessora da Cáritas Brasileira Regional Ceará – 88-99611756

Via: Vamos Pensar Verde

Relacionadas

Regional 4367988852097057460

Postar um comentário Default Comments

Política de comentários

O Portal do Guaracy não se responsabiliza pelos comentários de seus internautas, que podem ser feitos livremente, desde que respeitando-se as leis Brasileiras, as pessoas e assuntos abordados aqui.

Salientamos, que as opiniões expostas neste espaço, não necessariamente condizem com a opinião do nosso site.

Atenciosamente:
Equipe Portal do Guaracy

emo-but-icon

item